quarta-feira, 25 de dezembro de 2013

Assim Memo Tá Bom?!

Meia noite!

Em minha casa, muita música gospel para lavar a alma. Sinto que um dos meus pés já pisa o chão leve do paraíso.
Começamos cantando louvores de adoração, bem os meus familiares cantavam, eu fazia um som ambiente de fundo composto por sons nasais para dar mais kuyo pois a minha voz iria só destoar tudo.
Depois do louvor, demos as mãos e oramos. Agradecemos por estarmos juntos mais uma vez e podermos partilhar momentos de alegria.
Quando acabamos de orar, achou-se por bem fazermos primeiro a ceia antes do amigo oculto. E digo "memo" já que "inda" bem! Essa lenha infame só iria me cortar o apetite!

Todos os anos é a mesma coisa. Os kotas aqui em casa ficam a meter até os putos nos amigos ocultos e nem é por mal, eu acho que isso é só para aumentar as minhas chances de receber sambapito como presente. Nunca calho com alguém que conheça os meus gostos. Já andam que nem o governo, ficam a obrigar as pessaos, fizeram do amigo oculto uma brincadeira obrigatória; e de muito mau gosto diga-se de passagem. Os que fazem a rifa, começam a escolher os melhores parceiros e assim "num" dá! "Num vamo tá aqui a se menti!" Só de pensar que quando acabar de comer vão começar a anunciar quem calhou com quem, já começo a ficar com uma bola na garganta devido ao nervosismo. Ainda há pouco tempo pedi para Deus me perdoar e já sei que vou pecar feio por hipocrisia. Vão me dar algo que irei detestar e serei obrigado a rir e abraçar a pessoa. Vejam só, ainda serei obrigado a abraçá-la. Quer dizer, vão me tirar do céu, vou ficar na carne, pecar a sério mesmo. Se esse ano o presente for mais inútil que o do ano passado, alguém ficará no terreno. Dessa vez não serei complacente! Vou dar no focinho! Palhaçada! Querem me estragar o Natal. Não pensem que estou a exagerar, esses meus primos não são confiáveis, têm o mau hábito de oferecer caixas de frango. Assim "memo" dá? 

Vamos Lá Ser Sinceros:

Para aquelas pessoas que deveriam oferecer-me prendas e não deram...
Se porventura eu disse para deixar estar, saiba que eu estava no gozo! É muita cara de pau me dizeres que não podes como se a tua desculpa fosse me deixar satisfeito.
Mulheres, se o teu damo disse que não se importa, é mentira! Ele se importou, sim! E nem adianta vir com essa de se embrulhar num presente para se oferecer, tu não és mercadoria. Têm muito dessa de não darem nada ou de comprarem coisas às pressas e ser uma bodega. Coitado do homem é obrigado a rir para não estragar o Natal. Essas coisas comigo mais não! "Tou" a dar olhada e muito "mixoxo".

Epá, minha mãe acabou de gritar amigo oculto. Desconfio que esse seja o sinal que dá o início à minha tortura e a minutos de insatisfação. Tipo vou ganhar um desodorizante... Assim "memo tá" bom?!

2 comentários:

  1. E o que é que o "amigo oculto" embrulhou esse ano? O que quer que seja, espero que o 2014 traga melhores presentes... Boas saídas e boas entradas, à boa moda da terra!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Embrulhou nada, Lwsinha MC. Mais uma vez passei o Natal em branco.

      Eliminar

Motive-me com o seu comentário!